9 de junho de 2010

"Inês é morta!"

Num destes dias, ao responder a uma questão que a Beatriz me tinha colocado, respondi-lhe " Agora Inês é morta!". Quando a minha filhota me perguntou o que é que eu queria dizer com aquela resposta (!)  é que me apercebi que utilizo muito expressões idiomáticas! Depois de lhe explicar o que queria dizer com "Inês é morta", expliquei-lhe também que há dezenas de expressões, em todas as línguas, cujo significado não é possível identificar apenas através do sentido literal das palavras que compõem a expressão.... e lá fomos investigar!

"Casa da Mãe Joana"

Esta expressão significa que se fala de um lugar desorganizado, onde todos podem entrar sem grandes cuidados na autorização! A origem desta expressão está associada à seguinte história: No século XIV, durante o período em que Joana I de Nápoles esteve refugiada em Avignon, aprovou um decreto que regulamentava os bordéis da cidade, onde estava incluído um artigo que dizia: "Ou seja,... e que tenha uma porta por onde todas as pessoas possam entrar."

"Erro Crasso"

Um "Erro Crasso" é um erro grave de planeamento que tem consequências trágicas!!!! A origem desta popular expressão vem do nome do general romano Marco Licínio Crasso, que em campanha contra os Partos, apesar da enorme superioridade numérica do seu exército, sofreu uma humilhante derrota na Batalha de Carras, no ano 53 a.c., devido a uma série de falhas tácticas muito grosseiras. Por causa destas falhas, mais de 20.000 soldados romanos perderam a vida e cerca de 10.000 foram feitos prisioneiros. Crasso foi decapitado e a sua cabeça e mão direita foram levadas ao Rei Parto, Orodes II.


"Inês é morta"

Esta expressão significa que " agora já é tarde", que já não se vai a tempo de responder ou fazer alguma coisa. A sua origem está relacionada com  Inês de Castro. Esta nobre galega foi amante de Pedro I de Portugal, de quem teve 4 filhos - um escândalo para a corte e para o próprio povo! Foi executada às ordens do pai de Pedro I, D.Afonso IV. Pedro I só reconheceu o casamento com Inês e a legitimidade aos filhos, cinco anos após a execução de Inês de Castro, quando já era Rei de Portugal. Em referência a esta decisão tardia, tornou-se popular a expressão "É tarde. Inês é morta."


"Onde Judas perdeu as botas"


Esta expressão utiliza-se muito quando há referência a locais incertos e se calhar inexistentes! A origem está em Judas e nos acontecimentos logo a seguir à traição! Depois de Judas trair Jesus e receber os trinta dinheiros, afundou-se numa depressão e decidiu suicidar-se por enforcamento. Quando o econtraram já enforcado, Judas não tinha as botas nem os 30 dinheiros! Os soldados saíram à procura das botas e dos dinheiros mas não se sabe se alguma vez os encontraram!

"Calcanhar de Aquiles"


Ponto fraco e vulnerável, físico, moral ou intelectual. A origem desta expressão está na mitologia grega. Quando Aquiles nasceu, Tétis, a sua mãe, mergulhou-o no rio Estige para o tornar imortal; ficou, no entanto, vulnerável no calcanhar, parte do corpo pelo qual ela o sgurava. Efectivamente, no final da Guerra de Tróia, Aquiles foi morto por uma flecha no calcanhar.

"Paciência de Job"

Ter uma "paciência de Job" é ter paciência, tolerância acima dos limites razoáveis! A origem reside num personagem do AntigoTestamento. Job foi um personagem que viveu na terra de Uz (actual Iraque). Em função de uma aposta entre Deus e o Diabo, foi vitíma de um sofrimento enorme: perda da fortuna, da saúde e de quase toda a sua família. Tudo isto para ver se Job mantinha a sua fé a despeito de todas as adversidades. Apesar da sua mulher o incitar a amaldiçoar Deus, Job aguentou todas as provações. No final, Deus recompensou-o, devolvendo-lhe em dobro tudo o que tinha perdido.

Fonte: Wikipédia

Se quiserem aprofundar este tema, no site http://www.casota.org/ encontarão listagens com expressões idiomáticas e respectivos significados e no site do Instituto Camões, há exercícios divertidos com expressões idiomáticas! Experimentem! É divertido e aprende-se muito!

2 comentários:

M. Céu Fernandes disse...

Olá querida.
Muito interessante!
Já estava familiarizada com algumas dessas expressões mas outras eram-me completamente desconhecidas! Obrigada!
Bjs e bom feriado!
M. Céu

Noah disse...

Oi querida
Que post bacana
Sintetizaste na medida certa.
Estás melhor?
Tomara!
Bj♥